Justiça obriga UFABC a assinar contrato de estágio de aluno com notas baixas

EstágioA Justiça obrigou a UFABC (Universidade Federal do ABc) a assinar o contrato de estágio de um aluno que não possuía boas notas. A decisão foi divulgada na tarde desta terça-feira (13).

O estudante, autor da ação, alegou que a universidade teria se recusado a assinar o termo de estágio não obrigatório com a empresa Mercedes-Benz já que seu coeficiente acadêmico não ser maior ou igual a dois. A média é uma exigência da Resolução nº 112 da UFABC.

O juiz federal Paulo Bueno de Azevedo, substituto da 1ª Vara Federal em Santo André, no ABC Paulista, definiu que a universidade não pode e estabelecer as “regras do bem entender em desrespeito às normas e, em especial, aos princípios relativos ao estádio e à educação”.

Azevedo questionou ainda se não seriam os alunos com notas mais baixas os que mais precisam de estágio, na comparação com alunos mais bem qualificados. Para ele, impedir o aluno de fazer estágio é “um ato anti-educativo”.

O juiz citou a lei sobre estágios e concluiu que a modalidade não obrigatória de estágio é uma opção do aluno e não da universidade e que, assim, ela não pode interferir na escolha do estudante a partir de uma suposta deficiência acadêmica.

Para Azevedo, a resolução nº 112 viola o princípio constitucional da legalidade, porque “ninguém pode ser obrigado a fazer ou a deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei”.

Em nota, a UFABC informou que ainda não foi notificada sobre a decisão da Justiça, mas ressalta que as diretrizes da instituição, que estabelecem as condições para que os estudantes possam fazer estágio, têm como objetivo garantir bom rendimento e aproveitamento acadêmico.

“A universidade se preocupa com o corpo discente e deverá manter orientações no sentido de evitar que atividades externas não obrigatórias, como os estágios, afetem e prejudiquem o desempenho acadêmico dos alunos”, conclui o documento.

Já pensou se a moda pega… A UFABC vai ter mais processos do que a telefônica.

UFABC: Dicas para os Bixos de 2013

guiadobixoufabc
Enquantos os bixos e bixetes esperam “até o Natal” para terem aula, publicamos mais uma vez, algumas verdades sobre a UFABC, que não foram ditas nas Dicas de 2012.
Não vale tanto a pena ler, mas provavelmente você não tem nada mais interessante para fazer:

Coisas que um bicho aprenderá na UFABC
Você aprenderá logo que:

– Nota 5 =10
– A assinatura mais bonita é aquela que seus amigos sabem copiar
– Comer a vontade é mais barato que andar de ônibus
– Andar na pracinha do carrefour não se pode ser um passeio agradável
– Janela a tarde = ir pro sinucao e chegar bebado na aula
– Adquira um GPS antes de ir pra alguma das festas (San Andreas não é gentil com você)
– Não é qualquer fígado que aguenta vodkas askov e balalaika
– Traga sempre um colete salva-vidas (Não é brincadeira)
– Traga sempre uma jaqueta para as salas-frigorífico do bloco B
– Se o professor falar que a prova vai ser tranquila, tranque a matéria
– Se seu professor for o Bonança não pense três vezes antes de trancar
– Se seu professor for o Pedro Sérgio não pense duas vezes
– Se seu professor for o Pimentel nem pense
– Pré-trote não é trote
– O 11º é só uma área para estudos e não um túnel de vento
– Aprender física e cálculo não é tão difícil assim quando ensinados em português
– Falarás 1000 vezes: Não, eu não faço UNIabc, eu faço FEDERAL do ABC
– Explicarás 2000 vezes o que é BC&T
– O segundo andar do bloco B é exclusivamente para se fazer o número 2
– Chavecarás a mulherzinha do R.U para ganhar mais carne
– O segredo da comida do R.U está na sua fome, depois de 1h30 de fila tudo fica mais gostoso
– É possível comer uma refeição com apenas 150 mL de “suco”
– Terminar a faculdade em 5 anos é impossível, Chuck Norris tentou e não conseguiu .!
– Explicarás 3597 vezes que BC&H NÃO É CIÊNCIAS SOCIAS
– sorrizinhos são sinais de promiscuidade 🙂
– Caminhões costumam derrubar postes em dias de prova
– Que toda publicação no grupo da UFABC causará polêmica (principalmente se conter a palavra “dce”)
– Todas as matérias que você precisa pegar na matrícula serão ofertadas no mesmo horário
-Não julgue uma pessoa pela aparência de nerd, muito menos a zoe, ela pode ser seu monitor.
– Nunca tirou 0 em nada? Se prepare.
– Não estacionarás nas vagas reservadas aos veteranos. Essas são aquelas dentro da federal.
– Algum dia sua aula será invadida pelo pessoal do Voz Ativa/Construção Coletiva
– Se o D começa em 3,5 tranque a matéria.

Postado originalmente por Rafael Souza

UFABC é a 18ª melhor universidade do Brasil em Qualidade de Pesquisa

A UFABC, com apenas 6 anos de existência, ostenta a 18ª colocação no Ranking Universitário da Folha de S. Paulo, publicado na segunda-feira dia 03/09/2012, no item “qualidade de pesquisa”. Como 191 universidades foram avaliadas, a UFABC encontra-se entre as 10% melhores do país no critério. “As perspectivas ficam ainda melhores se considerarmos que os dados computados para esse critério do ranking referem-se a 2008 e 2009 e portanto não levam em conta o considerável aumento da nossa produção científica a partir de 2010”, explica o Pró-reitor de Pesquisa, Klaus Capelle.

Além da pesquisa, outros três itens foram avaliados: ensino, reputação no mercado de trabalho e inovação. O reduzido número de alunos no mercado de trabalho e de patentes, graças à baixa idade da instituição, influenciou para baixo a colocação da Universidade no quadro geral – 45º de 191, o que deixa a UFABC entre as 24% melhores do país.

“Para uma universidade nova e pequena, esses dados não são nada mal, considerando que os critérios da Folha (diferentemente dos do ranking Scimago no qual aparecemos recentemente como a melhor universidade brasileira) são fortemente influenciados pelo tamanho e pela idade da instituição”, afirmou Klaus.

Ordem de adesão das Universidades Federais à greve

Confira a lista das instituições federais que aderiram à greve:

1. CEFET (Centro Federal de Educação Tecnológica) de Minas Gerais
2. FURG (Universidade Federal do Rio Grande)
3. IFMG (Instituto Federal de Minas Gerais)
4. IFPI (Instituto Federal do Piauí)
5. Instituto Federal e Tecnológico do Sudeste de Minas Gerais
6. UFAC (Universidade Federal do Acre)
7. UFAL (Universidade Federal de Alagoas)
8. UFAM (Universidade Federal do Amazonas)
9. UFCG (Universidade Federal de Campina Grande)
10. UFERSA (Universidade Federal do Semi-Árido) – Mossoró
11. UFES (Universidade Federal do Espírito Santo)
12. UFF (Universidade Federal Fluminense)
13. UFG (Universidade Federal de Goiás) – Campus Catalão
14. UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora)
15. UFLA (Universidade Federal de Lavras)
16. UFMA (Universidade Federal do Maranhão)
17. UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso)
18. UFMT-RO (Universidade Federal do Mato Grosso / Rondonópolis)
19. UFOP (Universidade Federal de Ouro Preto)
20. UFOPA (Universidade Federal do Oeste do Pará)
21. UFPA (Universidade Federal do Pará /Central)
22. UFPA (Universidade Federal do Pará /Marabá)
23. UFPB (Universidade Federal da Paraíba / Cajazeiras)
24. UFPB (Universidade Federal da Paraíba)
25. UFPB-PATOS (Universidade Federal da Paraíba / Patos)
26. UFPE (Universidade Federal de Pernambuco)
27. UFPI (Universidade Federal do Piauí)
28. UFPR (Universidade Federal do Paraná)
29. UFRA (Universidade Federal Rural da Amazônia)
30. UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)
31. UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)
32. UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro)
33. UFRPE (Universidade Federal Rural de Pernambuco)
34. UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)
35. UFS (Universidade Federal de Sergipe)
36. UFSJ (Universidade Federal de São João Del Rey)
37. UFTM (Universidade Federal do Triângulo Mineiro)
38. UFU (Universidade Federal de Uberlândia)
39. UFV (Universidade Federal de Viçosa)
40. UFVJM (Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri)
41. UnB (Universidade de Brasília)
42. Unifal (Universidade Federal de Alfenas)
43. Unifap (Universidade Federal do Amapá)
44. Unifesp (Universidade Federal de São Paulo)
45. Unipampa (Universidade Federal do Pampa)
46. Unir (Universidade Federal de Rondônia)
47. Unirio (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro)
48. Univasf (Universidade Federal do Vale do São Francisco)
49. UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)
50. UFDG (Universidade Federal da Grande Dourados)
51. UFSM (Universidade Federal de Santa Maria)
52. UFG (Universidade Federal de Goiás) – Campus Jataí
53. UFABC (Universidade Federal do ABC)

UFABC adere a greve (Portal R7)

A UFABC (Universidade Federal do ABC) aderiu à paralisação nacional dos professores nesta terça-feira (5).

De acordo com a assessoria de imprensa da instituição, os professores decidiram sobre a greve em assembleia, realizada no dia 31 de maio. Os estudantes da instituição se reuniram na última sexta-feira (1) e resolverem entrar em greve em apoio aos docentes.

A paralisação geral começou no dia 17 de maio e, com as UFABC, o número de instituições paralisadas deve chegar a 53.

Além das 49 universidades federais, também estão em greve docentes de quatro institutos federais: CEFET (Centro Federal de Educação Tecnológica) de Minas Gerais; IFMG (Instituto Federal de Minas Gerais); IFPI (Instituto Federal do Piauí) e Instituto Federal e Tecnológico do Sudeste de Minas Gerais.

O sindicato da categoria estima que mais de 500 mil alunos estão sem aulas por conta da greve. Entre as principais reivindicações estão a incorporação de gratificações, acréscimo de titulação, melhores condições de trabalho e reestruturação do plano de carreira nos campi criados com o Reuni.

Os professores também pedem aumento do piso salarial dos atuais R$ 557,51 para R$ 2.329,35, valor calculado pelo Dieese como salário mínimo para suprir as necessidades previstas na Constituição Federal.

Marcha

Os professores das universidades federais, que estão em greve desde o dia 17 de maio, devem participar, nesta terça-feira (5), da Marcha Unificada dos Servidores Públicos Federais, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

De acordo com a Andes-SN (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), o ato deve reunir cerca de 20 mil trabalhadores federais de todo o Brasil.

Docentes de 53 instituições já suspenderam as atividades desde que a greve começou, há 20 dias.

Após a marcha, será realizada uma plenária ampliada dos servidores, às 15h, na Esplanada, para votar a greve geral do funcionalismo federal. Se aprovada, a greve geral terá início na próxima segunda-feira (11).

Até o momento, o governo federal não apresentou uma proposta aos docentes para o fim da greve. Uma reunião agendada para o dia 28 de maio, entre os representantes dos professores das universidades federais e o secretário de Relações do Trabalho do Planejamento, Sergio Mendonça, foi cancelada pelo Ministério do Planejamento. A expectativa era de que Mendonça apresentasse uma proposta em relação às reivindicações dos docentes quanto à reestruturação do plano de carreira.

De acordo com o Andes-SN (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), os representantes receberam uma correspondência informando sobre o cancelamento. Entretanto, uma nova data para a reunião ainda não foi marcada.

Fonte: R7.COM

NERDS DA UFABC entre os blogs mais populares da WordPress no Brasil

Publicamos ontem uma postagem para os bixos de 2012 da UFABC. E  Para a Nossa Alegria, a matéria surpreendentemente foi amplamente compartilhada no facebook, o que fez chegarmos no ranking das matérias mais populares do wordpress em todo o Brasil.

Isso mostra o quanto os bixos passam seus últimos dias de férias, conectados na internet 24 horas por dia. Aproveitem enquanto podem!

Confira na página da WordPress Brasil:
http://pt-br.wordpress.com/#!/fresh/